Segredo dinamarquês: entenda o que é hygge e confira dicas para aderir ao estilo de vida

Texto elaborado pela arquiteta Juliana Pippi* 

A busca pelo bem-estar tem sido propósito para as pessoas, dispostas a investir em pequenos gestos diários e ambientes capazes de transmitir esta atmosfera de aconchego nos lares. O sentimento vai ao encontro do que defende o estilo Hygge, conceito dinamarquês que ganhou o mundo e revela a maneira como seu povo encara a vida. Sem generalizações, é importante dizer que trata-se de uma escolha e também de um exercício de prioridades.

Marco Antonio, divulgação
 

O termo também desdobra outros significados como: contentamento, sociabilidade, segurança no sentido de se sentir protegido. Incluo ainda a sensação de pertencimento, que pode ser percebida nas coisas mais simples e no valor que é dado a elas. Por exemplo, os encontros, o contato com a natureza, a contemplação, a apropriação do nosso tempo. Às vezes, conquistamos este estado apenas respirando mais profundamente, com consciência no momento, mesmo que seja uma pequena pausa ao longo de uma rotina agitada.

Marco Antonio, divulgação

Sou contra a ideia de um modelo que pode ser enxertado na realidade tão diversa de um país. Como o Brasil com suas particularidades e contextos. Hyggedeve ser apenas a base de inspiração para o que almejamos viver como honestidade. Sem desmerecer as verdades que também já construímos e conquistamos em relação à nossa vida, no nosso lugar e tempo. Temos por aqui as nossas alegrias, não menores, mas legítimas, que falam sobre a nossa identidade como país. E exteriorizam o nosso jeito de encontrar a tão almejada felicidade.

Explorando nossa identidade brasileira, a natureza entra como pitada tropicalista ao conceito escandinavo.  Marco Antonio, divulgação

Percebo que as pessoas estão tentando simplificar mais a vida, optando por mais praticidade. Até porque a casa hoje tem que servir para este fim e não o contrário. Esse é um pensamento coletivo. Assim como o conforto, pedido recorrente nos projetos que desenvolvo. Como traduzir esse sentimento do conceito Hygge para a materialidade do espaço? Temos alguns caminhos, não regras, e nem devem ser utilizados como resposta aos modismos.

Marco Antonio, divulgação
Tudo parte do questionamento do que faz sentido para as pessoas, dos objetos que desenrolam memórias, que transmitem algum significado. No Hygge trabalhamos as texturas, os crafts, os objetos feitos manualmente, materiais mais puros que compõem o décor como o concreto, a madeira. O artesanato entra como grande valor de lembrança, envolve uma produção slow, em contraponto à fabricação em grande escala.
Marco Antonio, divulgação

Mais dicas para ficar hygge:

* O acolhimento pode ser apenas ter à mão uma manta de tricot bem gostosa para se aquecer no frio do inverno. Ou um ambiente mais silencioso que acalma a mente.

* A luz natural que banha o ambiente em diversas etapas do dia interfere – e muito – no humor de quem habita o lar.
Luz natural, outra vantagem nossa, interfere no humor dos moradores.  Ikea, reprodução

* Uma paleta de cores mais tranquila, deixa a atmosfera mais leve.

Paleta harmônica e objetos feitos artesanalmente , como a manta de tricô. Denilson Machado, divulgação

* Para trazer mais aconchego as ambientes, uma boa dica é investir em velas –  os dinamarqueses amam.

Ikea, reprodução

São escolhas, decisões que devem ser tomadas com total seriedade. E dizem mais sobre a percepção que dedicamos aos dias. Levando sempre em questão que a nossa casa é nosso templo, nosso ninho e nossa expressão. Se tudo isso faz parte da sua essência, vá em frente com a sua verdade!

Comments

comments

Laura Coutinho

Escrito por Laura Coutinho

Laura Coutinho é jornalista com mestrado em Relações Internacionais. Já morou em Porto Alegre, Londres e Lisboa e é apaixonada por viagens, gastronomia, cultura e inovação. Trabalhou mais de 15 anos no Grupo RBS como repórter, editora, colunista e assinou coluna social durante um ano no Jornal Notícias do Dia. Hoje, concilia a produção de conteúdo em site próprio com o trabalho de relações públicas.

Facebook | Instagram

Uma resposta para “Segredo dinamarquês: entenda o que é hygge e confira dicas para aderir ao estilo de vida”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *