Saiba quais são as melhores universidades australianas e quanto custa fazer um MBA no país

Matéria elaborada em parceria com a WEST1 Intercâmbio 

As primeiras lembranças que surgem quando pensamos em Austrália são praia, surfe, natureza e qualidade de vida. Mas há outro quesito no qual o país da Oceania é destaque: educação. Por isso, se você já fala inglês e anda pensando em uma graduação, pós ou MBA fora do Brasil é bom cogitar o destino.

“A Australia é um país com excelente qualidade de ensino além de ter uma grande quantidade de universidades entre as melhores: são seis instituições australianas entre as 100 melhores do mundo”, compartilha Camila Cintra, consultora da WEST1, agência especializada em intercâmbio com endereço na Lagoa da Conceição.

University of Melbourne é a mais bem cotada do país no ranking Times Higher Education World University Rankings 2018

Conversei com a Camila e aproveitei para tirar outras dúvidas, respondidas na entrevista a seguir:

Como funciona o processo seletivo para as universidades? O ingresso nas universidades é por análise do histórico acadêmico.

Quais são os valores aproximados de uma pós-gradução? Na Torrens University Australia em Sydney  por exemplo, o MBA de 2 anos de duração, sai por 45 mil dólares australianos (pagamento ao longo do curso).  A Torrens faz parte de um grupo com mais de 80 universidades e tem campus em Sydney, Melbourne, Adelaide e Brisbane.

Quais são as melhores universidades para se estudar na Austrália? As universidades abaixo estão entre as 100 melhores do mundo, segundo o Times Higher Education World University Rankings 2018: University of Melbourne (32º), Australian National University (48º), University of Sydney (61º), University of Queensland (65º), Monash University (80º)e University of New South Wales (85º).

A moderna Monash University, em Melbourne.

Alguma área específica que tenha qualidade melhor de educação por lá? Ou que seja mais procurada? Cursos na área de engenharia, business, marketing são muito procurados.

O estudante de pós-graduação pode trabalhar legalmente no país? Sim, pode trabalhar até 40 horas quinzenais e tempo integral (full time) durante as férias. Ainda há possibilidade de aplicar para um visto de trabalho após os dois anos de MBA (post study work visa).

Mais infos sobre intercâmbio sobre Austrália (além de Irlanda e Nova Zelândia)? Aqui. 

A lista completa das melhores universidades do mundo? Aqui. 

A tradicional Sydney University. Foto Jason James, Flickr

Comments

comments

Laura Coutinho

Escrito por Laura Coutinho

Laura Coutinho é jornalista com mestrado em Relações Internacionais. Já morou em Porto Alegre, Londres e Lisboa e é apaixonada por viagens, gastronomia, cultura e inovação. Trabalhou mais de 15 anos no Grupo RBS como repórter, editora e colunista. Hoje, concilia o site próprio com uma coluna semanal no jornal Notícias do Dia, em Santa Catarina, e o trabalho de relações públicas.

Facebook | Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *